A guerra do Teatrão

Maquete eletrônica do Teatrão

É a guerra do Teatrão: enquanto o vereador Wagner Balieiro (PT) faz vídeo no Facebook defendendo a instalação de uma creche sob as arquibancadas do Teatrão e o projeto original do governo Carlinhos Almeida (PT) para o espaço, o site oficial da Câmara de São José dos Campos noticia a visita de um grupo de vereadores às obras de revitalização do complexo, na Vila Industrial.
Balieiro, claro, defende o projeto original de Carlinhos.Já o material oficial da Câmara mostra a visita de nove vereadores à obra, acompanhados pelo prefeito Felício Ramuth (PSDB) e pelo secretário de Governança, Anderson Farias. Eles estiveram nas obras do Centro de Ciências, conhecido como Planetário e o Poliesportivo, além da área de lazer e da creche.
 A obra está orçada em cerca de R$ 30 milhões e foi paralisada por Felício para avaliação do projeto e seus custos.
O grupo de nove vereadores --(PV), Dulce Rita (PSDB), José Dimas (PSDB), Dr. Elton (PMDB), Fernando Petiti (PSDB), Gilson Campos (PR), Maninho (PTB), Marcão da Academia (PTB) e Walter Hayashi (PSC)—defende, segundo o site da Câmara, a reavaliação do projeto em razão do alto custo da obra e do uso definido para os espaços. Os parlamentares cobraram a ampliação das áreas destinadas ao esporte no complexo e fizeram críticas sobre o local escolhido para instalação da creche --embaixo da arquibancada do ginásio, local que teria problemas como a falta de ventilação e iluminação.
A construção do Planetário e a compra de réplicas de esqueletos dinossauros, feitas de isopor, também foram questionados pelos parlamentares.
E você, o que acha da obra? Felício acertou em paralisá-la?


A guerra do Teatrão A guerra do Teatrão Reviewed by blog dois pontos on 17:42 Rating: 5

Um comentário:

Tecnologia do Blogger.