O voto de Flavinho

Flavinho (PSB)

A pedido do blog dois:pontos, o deputado federal Flavinho (PSB) explica seu voto contra o projeto de terceirização:


"Votei contra a terceirização ampla e irrestrita incluída no PL 4302/98 por entender que esta proposta não contribui para a segurança jurídica dos trabalhadores, precariza direitos adquiridos e não resolve o problema dos desempregados como tem dito os defensores do projeto. Este Projeto de Lei apresentado pelo ex-presidente FHC do PSDB é ruim e por isso estava 'engavetado' na Câmara há vários anos. Há uma Comissão Especial na Casa que está tratando da Reforma Trabalhista e, ao meu ver, é aí que se deve discutir toda a temática trabalhista, inclusive, a regulamentação e amparo legal dos trabalhadores terceirizados que não podem permanecer no limbo jurídico que se encontram sendo tratados como trabalhadores de menor valor no mercado de trabalho.

A terceirização já existe, o que se precisa fazer é dar respaldo jurídico e legal para estes mais de 13 milhões de brasileiros que fizeram a opção de se inserir no mercado de trabalho a partir deste formato e que, muitas vezes, são discriminados no ambiente de trabalho, desrespeitados pelos contratantes a ponto de até mesmo ficarem sem receber salário. Não se pode querer desmontar uma estrutura trabalhista de anos e mudar uma cultura de direitos adquiridos em uma única noite de votação. Precisamos ter respeito e cuidado com os trabalhadores brasileiros."
O voto de Flavinho O voto de Flavinho Reviewed by blog dois pontos on 14:56 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.