Matemágica, novo round


Deu no Meon:
"A 7ª Promotoria de Justiça de São José dos Campos instaurou inquérito civil para averiguação de “quebra da ordem cronológica de pagamentos” de fornecedores da prefeitura por parte da atual administração.
A investigação foi motivada por denúncia do vereador Wagner Balieiro (PT), que entrou com uma representação no Ministério Público no início do mês.
Um ofício comunicando sobre a abertura do inquérito e solicitando o envio de “eventuais provas e/ou indícios de que as quebras de ordem cronológica tenham se originado em irregular e ilegítimo favorecimento a específicos credores, atendendo somente as empresas que sejam parceiras da administração”, foi encaminhado ao vereador nesta quarta-feira pela promotora Ana Chami. 
Para o vereador, os indícios de irregularidades "são claros".
“A quebra da ordem cronológica de pagamentos é uma medida para ser usada com responsabilidade, apenas para casos imprescindíveis e necessários. Mas o que que temos visto é um abuso da prefeitura no uso desse instrumento e isso afronta o princípio da isonomia, que prega o tratamento igual a todos os fornecedores. A prefeitura está aplicando uma regra, que deveria ser utilizada apenas em algumas exceções, a todos os contratos”, disse.
Segundo ele, entre os exemplos de quebra estão "gastos supérfluos, que não se justificam". “Tem quebra da ordem cronológica até para contratação de cronometristas para eventos esportivos. Desde quando isso é imprescindível?”, disse."
Matemágica, novo round Matemágica, novo round Reviewed by blog dois pontos on 17:07 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.