Quem sustenta Temer?

Michel Temer & Dilma Rousseff: juntos e misturados

por Julio Codazzi

Em setembro de 2015, quando já ensaiava o rompimento com a então presidente Dilma Rousseff (PT), o -- à época -- vice-presidente Michel Temer (PMDB) disse a empresários que era difícil a petista resistir no poder com uma popularidade tão baixa.


Depois disso vieram o rompimento oficial, o afastamento temporário de Dilma, o governo provisório de Temer, o impeachment da petista e a efetivação do peemedebista no poder.

Durante todo esse processo, uma coisa não mudou: a aprovação de Temer é baixíssima, atingindo até patamares piores que o de sua sucessora.

Partindo da premissa de que a avaliação de Temer estava certa, o que mudou? O que justifica o peemedebista se manter no poder, enquanto Dilma foi tirada dele?

Podemos eliminar fatores comuns nos dois governos, como a corrupção generalizada e a economia em baixa.

A diferença parece estar em quem sustenta (leia-se: 'quem está feliz com') Temer no poder. E quem é esse grupo? Ora, basta ver o que Temer tem prometido: um governo marcado por reformas.

A contragosto de grande parcela da população, esse governo tem tentando enfiar goela abaixo mudanças na legislação trabalhista e no sistema previdenciário. Alterações que não contemplam os anseios dos que mais precisam do Estado, mas sim de um grupo dominante -- não em número, mas em poder e riqueza.

E qual o problema disso? 
Sempre que essas propostas foram discutidas no momento certo -- nas urnas, ora bolas --, foram rejeitadas. Isso quando os políticos tiveram coragem de defendê-las. Normalmente, dizem que vão tomar 'medidas impopulares', sem entrar em detalhes.

Dias atrás, numa discussão sobre o tema na TV, vi uma analista dizendo que, então, o povo tem errado muito em suas escolhas. Mas quem decide isso? Por acaso criaram um grupo seleto, que se reúne para definir se a pretensa democracia será levada adiante ou se vão mandar às favas o voto dos eleitores?

Aprendemos que, dependendo de quem te apoia, 10% de popularidade são suficientes para ignorar o restante do país.

Julio Codazzi é jornalista, editor-executivo do jornal "O Vale". Este artigo foi publicado originalmente na edição deste final de semana do periódico
Quem sustenta Temer? Quem sustenta Temer? Reviewed by blog dois pontos on 13:08 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.