Teto divide bancada do Vale


Anote aí para conferir mais tarde: a PEC que altera o teto de salários para o funcionalismo público do Estado é nitroglicerina pura ..

Pela proposta aprovada por 67 a 4 na Assembleia Legislativa do Estado no início da semana, a referência de limite salarial para o funcionalismo público no estado, hoje baseado no vencimento do governador, passa a ser equivalente ao fixado a desembargadores de Justiça. Com isso, o teto deixa a faixa dos atuais R$ 21.631,05 e atinge R$ 30.471,11 até 2022. Qual o impacto disso? 
Pela proposta aprovada por 67 a 4 na Assembleia Legislativa do Estado no início da semana, a referência de limite salarial para o funcionalismo público no estado, hoje baseado no vencimento do governador, passa a ser equivalente ao fixado a desembargadores de Justiça. Com isso, o teto deixa a faixa dos atuais R$ 21.631,05 e atinge R$ 30.471,11 até 2022. Qual o impacto disso?  Enorme. Já tem muita gente fazendo as contas. E tomando um susto. Nesse cipoal, como votaram os deputados da bancada da RMVale? Afonso Lobato (PV) e Hélio Nishimoto (PSDB) votaram pelo aumento. Davi Zaia (PPS) votou contra. Cá entre nós, o projeto é uma bomba-relógio que vai estourar as contas públicas do Estado. Adivinha quem vai pagar a conta?

E segue o baile ...
Teto divide bancada do Vale Teto divide bancada do Vale Reviewed by Helcio Costa on 11:33 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.