Vai acabar em pizza ...

Qual o sabor da pizza?

Dito e feito, tudo vai acabar em pizza ...

Circula há algumas semanas em redes de WhatsApp de Taubaté o resultado de uma pesquisa eleitoral que retrata a disputa pelo Palácio do Bom Conselho. A eleição é em 2020, mas, segundo a pesquisa, se os votos fossem contados em dezembro de 2018, a disputa iria para segundo turno. Na pesquisa aparecem listados os nomes de Eduardo Cursino (PSDB), José Saud (MDB), Noílton Ramos (PSL), Rodrigo Digão (PSDB), Loreny Caetano (PPS). João Vidal (PSB), Júlia Martin (PT) e Fernando Borges (PSOL). Boa parte dos citados perde, de lavada, para brancos, nulos e indecisos. E, curiosamente, não consta da lista o nome de Cláudio Teixeira Brazão, o Macaé, secretário de Educação de Taubaté e um dos nomes mais comentados aqui e ali como potencial candidato. Mais: o levantamento também traz uma avaliação do desempenho do governo Ortiz Junior (PSDB). E termina com um aviso: os números, com margem de erro de 3,25%, não podem ser divulgados nas redes sociais, nem em emissoras de rádio e TV. Mas, nada disso importa muito.

Boa mesmo é a corrida gastronômica criada pela pesquisa.

No texto do levantamento estão as regras da corrida: quem receber e fotografar as duas páginas da pesquisa e repassar a 50 pessoas pelo WhatsApp ganha direito de concorrer ao sorteio de uma pizza. Claro, desde que comprove o envio do lote mínimo de 50 mensagens. Mas, é bom ler bem o aviso: é uma pizza. E por sorteio. Infelizmente, o aviso, apesar de ser bem detalhado em diversos quesitos, não é exato no principal: ele não informa, por exemplo, nem o sabor da pizza (aliche? quatro queijos? peperone? a livre escolha do freguês?), nem o nome da pizzaria de origem.

Em todo caso, segue o baile ...




Vai acabar em pizza ... Vai acabar em pizza ... Reviewed by blog dois pontos on 11:35 Rating: 5

Um comentário:

  1. Se eu soubesse ... Faria uma duplicação desses envio e ganharia 2 pizzas... rs rs rs.

    Fala sério!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.